Tudo o que é sólido | 1996

(...) se dissolve no ar

 

Museu Laboratório e Jardim Botânico | Lisboa
 

(...) Há uma simplicidade, só aparente, e como que rigidez e frieza na composição e instalação dos elementos de cada módulo. Sucatas metálicas, com maior ou menor manufactura, osso e madeiras carcomidas ou o esqueleto fibroso de caules e folhas secas são reunidas, nunca de modo caótico, mas meticulosamente étaleés em caixas reliquiários. Sente-se que cada escolha é meditada. Há sempre enlace de fios que a Teresa Pavão usa em cada peça como uma assinatura ou marca de posse. E cada obra ganha uma força tensa, gerada da sujeição dos fios que moldam e mantêm a forma escolhida .(...)
 

Fernando Catarino

In Catálogo
 

_técnica mista: ferro, arame, ouro, bronze, redes metálicas, cobre, prata, bronze, madeira, bambu, osso, palma, sementes, faiança, esparto, seda, ráfia, cânhamo.

 

Tudo o que é sólido se dissolve no ar